Rady Gramane e Alcinda Panguana são campeãs africanas de boxe

As duas pugilistas despacharam, hoje, as suas adversárias na final e conquistaram a medalha de ouro do Africano de Boxe.

Diz o ditado que quem corre com vontade não cansa. Rady Gramane e Alcinda Panguana continuam a fazer o mundo render-se ao seu talento.

Gramane subiu ao ringue, na tarde de hoje, em busca do seu primeiro título africano depois de ter provado tudo na região e não só. Diante da argelina Djouher Benan, uma potência do boxe africano, Rady não se vergou e, com classe, elevou a bandeira nacional e encaixou na conta 600 mil Meticais.

Alcinda Panguana, nos 66-70kg, não mediu esforço entre as cordas em busca de ouro. Com o apoio do público, pulverizou o pavilhão da Académica com o seu talento nos punhos e, no fim, provou a sua capacidade perante a congolesa Brigitte Mbambi.

Às duas medalhas de ouro conquistadas pelas pugilistas, podem juntar-se as de Yassine Nordine, Solomone Júlio e Armando Sigaúque, que lutam esta noite.

Similar Posts